Formação Espiritual

Jovens Estudantes

Meditação

Palestra dirigida por um sacerdote para refletir sobre como ser melhor pessoa e melhor cristã. Toda quarta-feira, das 18h45 às 19h15 e aos terceiros sábados de cada mês, das 16h às 16h30.

Confissão e direção espiritual

O capelão do Centro Cultural é um sacerdote da Prelazia do Opus Dei, que fica disponível para orientação e acompanhamento individual. Entre em contato e agende seu horário.

Convívios de formação

Um fim de semana dedicado à convivência entre as participantes, com atividades de formação espiritual, humana, cultural e lazer. Siga-nos nas redes sociais, e não perca o próximo!

Recolhimento mensal

Um momento do mês para refletir e dedicar-se ao silêncio, possibilitando o autoconhecimento e o crescimento pessoal. Acontece em todos os primeiros sábados do mês, das 15h às 17h30.

Aulas de doutrina católica

Aulas para aprofundar nas verdades do catolicismo e nas suas implicações na sociedade contemporânea, baseadas no Catecismo da Igreja Católica. Há opção de preparação para a recepção dos sacramentos da iniciação cristã: batismo, comunhão e crisma.

Retiros espirituais

Um fim de semana dedicado ao recolhimento interior e à oração. Entre em contato, e reserve a sua vaga!

Senhoras casadas e profissionais

Recolhimento mensal

Um momento do mês para refletir e dedicar-se à oração. Terceira segunda-feira do mês, das 18h30 às 20h00, no Caravelas. E no terceiro sábado do mês, das 8h45 às 10h30 na Paróquia Imaculada Conceição, localizada na Rua Belo Horizonte, 795, em Londrina.

Confissões e direção espiritual

A direção ou acompanhamento espiritual consiste numa conversa periódica (semanal, quinzenal ou mensal) com o capelão do Centro Cultural, que é um sacerdote da Prelazia do Opus Dei.
É possível marcar um horário às quartas-feiras, sextas-feiras à tarde, e aos sábados, pela manhã.

Aulas de doutrina católica

Aulas para aprofundar nas verdades do Catolicismo e nas suas implicações na sociedade contemporânea, baseadas no Catecismo da Igreja Católica.

São Josemaria Escrivá de Balaguer

Por muito tempo pensou-se que ser santo só seria possível para aqueles que se dedicavam à vida religiosa. Isso porque a maioria dos santos que ocupavam os altares haviam largado o mundo para seguir suas vocações, como São Francisco, Santo Antônio, Santa Teresinha, entre muitos outros. Nunca foi difícil, portanto, associar a santidade com a vida e as práticas espirituais.

É com São Josemaría Escrivá que se populariza uma nova visão da santidade: a vida material também pode ser lugar do encontro cotidiano com Deus. O caminho à salvação, por muito tempo imaginado como possível unicamente pelas vias espirituais, passa a se tornar alcançável pelo bom exercício das atividades rotineiras.

  1. Josemaría nos ensina que “Deus nos espera cada dia: no laboratório, na sala de operações de um hospital, no quartel, na cátedra universitária, na fábrica, na oficina, no campo, no seio do lar e em todo o imenso panorama do trabalho. Não esqueçamos nunca: há algo de santo, de divino, escondido nas situações mais comuns, algo que a cada um de nós compete descobrir.” O mundo é o lugar por excelência da vida e da prática cristã, porque tudo que nele reside saiu das mãos do Criador. A vida material é sim lugar de santificação, porque Javé olhou para o mundo e viu que tudo era bom (Cfr. Gên, I, 7 e ss.). Por isso, saber amar o mundo é também saber amar a Deus em sua criação.

Muitos passam a vida dizendo não ter tempo para falar com Deus porque a vida cotidiana não cede tempo para a oração. Mas S. Josemaría alerta que se relacionar com Ele é muito mais fácil do que parece: “Não há outro caminho, meus filhos: ou sabemos encontrar o Senhor em nossa vida de todos os dias, ou não O encontraremos nunca.”

Quer saber mais sobre S. Josemaría e o Opus Dei? 

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt